• Felipe Hosken

10 Discos Nacionais que fazem 20 anos em 2020


"Ano 2000 era futuro há pouco tempo atrás". Mas 20 anos se passaram, e ainda não convivemos com carros voadores nem com robôs futuristas em casa. Na música o ano 2000 foi tomado pelo nu-metal no mainstream, mas rolava muita coisa bacana além disso. Listamos 10 discos lançados em 2000 que talvez tenha passado batido por você ou que você não deu a devida atenção. E, como de costume, fizemos uma playlist com uma música de cada disco.



10. Herbert Vianna, O Som do Sim


Terceiro disco solo do líder dos Paralamas. Em O Som do Sim, Herbert tem participações especiais em todas as faixas. "O Muro" com Black Alien, "Mr. Scarecrow" com Cássia Eller e a versão de "In Between Days" do The Cure com a Érika Martins são alguns dos destaques.





9. Jason, Eu Sou Quase Fã de Mim Mesmo


Segundo disco da clássica banda carioca - até hoje na ativa! - que mistura punk, hardcore e metal. Esse disco é o segundo da chamada Trilogia do Ego, entre "Odeia Eu", de 1998, e "Eu Tu Dênis", de 2002.


Destaque para o hit "A Bela Canção (Que Eu Não Escrevi" e para o Melvin, do Carbona, na foto da capa.



8. Rumbora, Exército Positivo Operante


O Rumbora encerraria as atividades pouco tempo depois do lançamento desse segundo álbum. Exército Positivo Operante mistura rock, reggae e pop. O single "O Mapa da Mina" chegou a ter bastante rotação na MTV e nas rádios.

Ano passado, a banda fez alguns shows de retorno.




7. Bidê ou Balde, Se Sexo É o Que Importa, só o Rock É sobre Amor!


Bom disco de estreia dos gaúchos. Destaque para o grande hit, "Melissa", para a versão em português de "Buddy Holly", do Weezer, e para a polêmica "E Por Que Não?" que foi acusada de ser um incentivo à pedofilia e ao incesto.







6. Carbona, Straight Out the Bailey Show


Terceiro disco dos reis do bubblegum nacional. Um bom disco, mas menos impactante que os dois primeiros. Tem uma das melhores músicas da banda, "Everyone Is Taking Pills In Modern Life".









5. Planet Hemp, A Invasão do Sagaz Homem Fumaça


"Adivinha, doutor, quem tá de volta na praça? Planet Hemp!"


Em 2000, eles voltaram com o terceiro e melhor disco. Produzido pelo Mário Caldato que comanda toda a "Raprockandrollpsicodeliahardcoreragga"






4. Maybees, Picture Perfect


Segundo disco do quinteto paulistano que chegou a ter bastante visibilidade com esse disco. A banda fazia um indie pop com belas melodias, boas letras em inglês e um doce vocal feminino. O disco tem participação de Edgar Scandurra e Fernanda Takai. Após esse disco a banda passou a compor em português e passou a adotar o nome de Ludov - que segue até hoje.




3. Hateen, Dear Life...


Depois de um primeiro disco mais punk rock, o Hateen desacelera, coloca todas angustias em letras em inglês e faz um grande disco de post-hardcore, ou de emo, se preferir.

Grande disco, destaco o hit "Danger Drive" e a abertura melancólica com "404 Not Found"






2. CPM 22, A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum


O disco independente dos hits "Regina Let's Go" e "Anteontem"que chamaram a atenção de Rick Bonadio. Bom, o resto é história.









1. Diesel, Diesel


Com esse disco independente o Diesel vencou o concurso "Escalada do Rock" e ganhou uma vaga no Palco Mundo do Rock in Rio 3, em 2001.

O quarteto mineiro bebia na fonte do rock alternativo dos anos 90 e no grunge.

A banda tinha na formação o baterista Jean Dolabella, que integrou o Sepultura e hoje está no Ego Kill Talent.

Depois de uma tentativa internacional frustada, a banda passou a compor em português e assumiu o nome de Udora.



Bônus Portastatic, De Mel, De Melão


O Portastatic é um projeto paralelo de Mac McCaughan, líder do Superchunk. Ou seja, não se trata de um disco de um artista nacional. No entanto, McCaughan sempre foi um entusiasta da música brasileira e neste EP ele gasta todo seu português e regrava cinco músicas brasileiras. Destaco "Baby", do Caetano e "Lamento Sertanejo", de Dominguinhos e Gil.



Confira nossa playlist:

(infelizmente, o disco independente do Diesel não está disponível. O do CPM22 também não, mas coloquei a versão de "Anteontem" do primeiro disco pela Arsenal).





189 visualizações1 comentário
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon

© 2023 by The New Frontier. Proudly created with Wix.com